Estresse + Compras = Finanças Estragadas

Quem nunca ficou triste, estressado e ao invés de correr na praia, ir pra academia, dormir… Resolveu ir diretamente pro Shopping?!

Recentemente, minha vida sofreu teve mudanças, que foram suficientes pra dar uma descompensada  no meu corpo e mente. Alguns acontecimentos, bastante trabalho e o término de um relacionamento longo fizeram com que eu ficasse MEGA ESTRESSADA!  Mas, quem nunca né?!

Estresse + Ansiedade + Nervosismo = DESCONTROLE

Resultado de tudo isso, péssima alimentação, tristeza, desânimo, cansaço físico e mental e cartões de crédito. Foram as armas necessárias que quase resultaram nas finanças estragadas.

Durante meus dias de folga,  não enxergava outra perspectiva além de idas ao shopping, lojas… Até mesmo nos pernoites, durante minhas viagens. Sabem o que é estar em Fortaleza, com praias lindas e ao invés de pegar um bronze ou fazer alguma atividade saudável, buscar lojas e chegar no hotel cheia de sacolas, e não ter espaço pra levar o que comprou na mala?  Dificílimo foi me controlar. Confesso pra vocês que não consegui. Nada me ajudava a ocupar a cabeça além disso.

O que via, queria comprar mesmo sem necessidade. É incrível como nós humanos, temos o dom de esquecer do que chamamos de problemas, focando em compras.  De dez pessoas que conversei (homens e mulheres), oito já tiveram mudanças na vida e elevaram o astral e a auto-estima fazendo compras. E assim como eu, disseram ter comprado coisas desnecessárias pro uso. Pouquíssimas são as pessoas que ficam tristes e conseguem se desvencilhar dos pensamentos consumistas.

Com a ansiedade, cada pessoa desconta em um tipo de ação… Uns compram, outros comem demais ou ficam sem comer. O ser humano é mesmo imprevisível e não se reconhece em diversas fases da vida. Cada um tem as reações indesejadas que a mente humana por ter e o pior, executar.

Por impulso, tomamos atitudes impensadas que poderão nos maltratar por um tempo indeterminado e isso fará com que os problemas só aumentem. Aconteceu comigo e agora tô correndo atrás do prejuízo (contas altíssimas, objetos inúteis comprados, saúde prejudicada).

Não cometam os mesmos erros que cometi, por isso, deixo algumas dicas:

– Quando a ansiedade bater, coloque um tênis e vá correr. Vale também ouvir suas músicas favoritas e dançar como você nunca faz entre amigos. Qualquer exercício físico, libera endorfina que proporciona uma sensação de bem estar.

– Chore o quanto for necessário, é bom esgotar todas as lágrimas que você tem. Como dizem: “Lava a alma!”

– Não afogue as mágoas gastando dinheiro. Isso fará você se aborrecer futuramente. Deixar seus cartões de crédito e talões de cheque em casa, é uma ajuda e tanto.

– Foque sua atenção em trabalhos manuais se gostar ou leia um bom livro.

– Não coma uma barra de chocolate por dia, muito menos fique em jejum por mais de 3h. A gente é exatamente aquilo que comemos.

– Saia com os amigos, relembre fatos que te fizeram feliz.

– Ouça suas músicas favoritas em máximo volume, cante alto, mesmo que desafinadamente (ninguém paga suas contas) Se seu vizinho for pentelho, a escolha de um fone de ouvido vai ser essencial, evitando encrencas.

Se tiver um amigo que sofre desses problemas neste momento, não deixe de compartilhar este post!!!!

GlamBeijos

você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *